10 janeiro 2015

Resenha: Para Sempre - Alyson Noël

|

(Quem leu vai entender o porquê da imagem ;)

  Acho que você já ouviu falar de Para Sempre. Se não, vai conhecer agora. Como sempre, eu conto como eu conheci ou comprei o livro. Uma amiga minha tinha acabado de ler esse livro, da biblioteca da escola dela, e ela não parava de dizer: "Meu Deus! Como o Damen é perfeito!". Então eu pensei que o livro poderia ser interessante. Quando eu fui no shopping, um tempo depois, lá estava ele na Americanas por quinze reais! Eu comprei (quinze reais é muito barato!) não só o primeiro, mas os segundo e terceiro também.

  Ever era uma garota com uma boa vida no Oregon — bonita, líder de torcida e popular. Ela gostava de viver assim, estava feliz. Mas, em um acidente de carro, ela e sua família morreram. Quando eles cruzaram a ponte que dividia os vivos dos mortos, a vida do além, ela se distraiu e ficou para trás. Por isso, voltou à vida, enquanto seu pai, mãe e a sua cadela Buttercup partiram.
  Nesse acidente ela adquiriu poderes mediúnicos (ler pensamentos, ver auras e conhecer a vida de uma pessoa pelo simples toque). Ela também pode ver e conversar com sua irmã mais nova Riley (que não cruzou a ponte). Basicamente, sua vida virou do avesso. Milhares de amigos que tinha foram substituídos por Heaven, a garota que se veste como se fosse gótica e está sempre comendo cupcakes, e Miles, o gay que às vezes fala de mais, mas que é um ótimo amigo. As roupas de antes foram substituídas por moletons com capuz, óculos escuros, para não ser notada, e um Ipod no máximo volume, para que a bagunça de auras e pensamentos seja ignorada. De popular à "esquisitona", como alguns a chamam.
  Mas um novo garoto chega na escola, Damen Auguste. Todos o acham perfeito, ele é bonito, forte, como um modelo. O mais esquisito é que Damen não tem aura. E não é possível saber sobre sua vida tocando-o, como é com os outros.

  "Acontece que toda a área em torno do corpo dele, desde a gloriosa cabeça até a ponta quadrada das botas pretas de motoqueiro, consiste em nada além de um espaço vazio, em branco.
  Nenhuma cor. Nenhuma aura. Nenhum espetáculo de luzes pulsantes."

  E, como qualquer história, você já deve prever o que acontecerá entre Damen e Ever.


  Minha Opinião 

  É um livro fácil de ler, não é tão grande e nem complicado (são 255 páginas). Se você já leu a saga Crepúsculo, e gostou, a série Os Imortais, cujo primeiro livro é o Para Sempre, é uma boa pedida. No começo eu comecei a compará-lo com Crepúsculo, é inevitável — Damen é aluno novo, é descrito como o cara perfeito, e, se você não conhece a história, há um mistério por trás do garoto (o que, quando falamos de Crepúsculo, é meio impossível não conhecer), assim como Edward. Mas, na maioria das vezes, a Ever é diferente da Bella. É teimosa e não se deixa enganar tão facilmente. E ela não é indefesa, talvez por ter poderes e tudo o mais.
  Mas não estou aqui para compará-lo com outra série. Eu gostei, sim, mas há livros melhores, né? hehe. Não é um dos meus preferidos, mas a história até que é legal. E não tem como não amar Damen, porque ele é daqueles personagens que você simplesmente ama <3. 
  Como eu disse, comprei os três primeiros livros. Eu comecei a ler o segundo (Lua Azul) depois de terminar o Para Sempre, mas ainda não terminei. Eu meio que abandonei a leitura, porque SPOILER ALERT acontece uma coisa com o Damen e ele vira um cara meio idiota. Isso me deu raiva, acompanhar a Ever tentando concertar o que aconteceu. Me lembrou o Lua Nova, quando o Edward parte e deixa a Bella sozinha, sofrendo, tentando entender o que foi que aconteceu. A leitura ficou um pouco lenta, porque foi meio cansativo. E eu larguei um pouco pra terminar o livro Garota Exemplar (que estou curtindo bastante). 
  Apesar disso, recomendo para quem quer algo fácil de ler e descomplicado. E, acima de tudo, para quem gosta de romances onde tem aquele "personagem perfeito" (do tipo Edward, Damon, Augustus, Barrons, Maxon, Charles, Tobias, e uma infinidade de outros).
  
  É isso. Até a próxima e várias tulipas vermelhas para vocês!      


       
                                                                                                                            

Comente com o Facebook:

Um comentário:

  1. Já li todos os livros de Os Imortais, mais o Radiance que é o primeiro da série de livros sobre a irmã da Ever.
    Não é uma série que considero uma das melhores, mas é uma leitura fácil e bem bacana de ler só para passar o tempo, que foi o que fiz. No começo eu também achei parecido com Crepúsculo, é difícil não lembrar da saga quando estamos nos referindo a romances adolescentes sobrenaturais. Depois de um tempo eu fui achando os personagens melhores, e Ever se mostrou bem mais forte do que Bella seria. Não quero dar spoiler, mas achei que a história do livro chega a ser um pouco além, pois em alguns pontos nem focou muito no romance dos dois. É bom também que temos um estilo diferente de criatura, já que Damen é apenas imortal, puxando mais pelo lado da alquimia e espiritismo.
    Tulipas <3

    prazermechamomelissa.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Seja Bem-Vindo ao Ao Olhar de um Garoto, espero que goste do conteúdo do Blog e de tudo mais :)

Obrigado por comentar :)
Aceito criticas construtivas :D

© Ao Olhar de Um Garoto - 2013 / 2016
Cópia de conteúdo é crime. Não copie!
Personalizado por: Gessica Alvim / www.cerejablack.com
Tecnologia do Blogger
imagem-logo